A Cadeira de Prata

a-cadeira-de-prata

Sem or.

Olha, honestamente já estou cansada de destilar veneno dar a minha opinião sobre As Crônicas de Nárnia. Tenho a impressão de que não consigo deixar de ser biased, afinal, não consigo gostar delas. Assim, estou exausta de sempre apontar os mesmos problemas através de todas elas.

É sério que as crianças não aprenderam que têm que obedecer as ordens mais insanas dadas por Aslam? Que os personagens não tem a menor profundidade e cometem sempre os mesmos erros? Que não temos escolha se não amar ou odiar os personagens que nos são apresentados?

Bem, a realidade é essa. Não importa o que Eustáquio tenha feito ou o quanto ele foi forçadamente redimido, ou ainda o quanto ele se tornou uma pessoa sensata de uma hora para outra, ele ganhou o prêmio de personagem mais idiota de todas as crônicas. Assim como a Jill ganhou o prêmio de personagem mais insossa.

Ler A Cadeira de Prata foi a coisa mais corajosa que eu fiz esse ano mentira, li livros piores para o desafio e devo dizer que tive medo de não conseguir aguentar até o final. Mas cá estou eu, vitoriosa, com mais uma resenha de Nárnia e mais próxima da realização do meu desafio pessoal.

É isso. Peço desculpas para os fãs de Lewis, mas não me dou com ele. Aguardem a resenha final que logo está vindo.

2/5 estrelas.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s